SINOPSE: Ocupado demais para ler um livro? Tudo bem, não há nada de errado em se dedicar a seu trabalho, a sua família, a seu futuro. A questão é: você está focado no que é realmente importante? Você dedica, hoje, a maior parte do seu tempo a alguma coisa, uma ÚNICA Coisa, que sintetize seus sonhos, seus desejos, suas aspirações? Os resultados que você obtém são diretamente influenciados pelas escolhas que faz. Alcance resultados extraordinários em todas as áreas da sua vida. Acabe com a desordem de sua rotina, siga e mantenha-se firme em direção a sua meta. Torne-se um mestre no que realmente importa para você. Focando em sua ÚNICA Coisa, é possível alcançar mais, fazendo menos.

GUIA DO LIVRO

  1. PARTE 1: as mentiras – elas nos enganam e despistam
  2. PARTE 2: a verdade – o caminho simples para produtividade
  3. PARTE 3: Resultados extraordinários – revelando possibilidades dentro de você

 

A ÚNICA COISA

O foco pode trazer resultados extraordinários para a sua vida. O sucesso em nossas vidas, segundo os autores, é proporcional à concentração e ao foco despendido em uma única coisa. Podemos parar para refletir em relação à administração do tempo e à organização de nossas vidas e nossas atividades: “se todo mundo tem o mesmo número de horas, por que algumas pessoas fazem muito mais que outras? Por que e como fazem para alcançar mais, ganhar mais e conquistar mais?”. O segredo seria esse: focar no que é mais simples e fazer o resto parecer ser mais fácil ou até mesmo desnecessário. Às vezes ocupamos e consumimos todo nosso tempo com muitas tarefas, mas isso não quer dizer ser produtivo. Muitas dessas tarefas não estão relacionadas com nossos objetivos e por isso não geram os resultados que gostaríamos. Quando não vemos retorno, muitas vezes, tendemos a reduzir nossas expectativas e abandonar nossos sonhos. Terminamos não cumprindo prazos, gerando estresse e sobrecarga, menos noites de sono, má alimentação, falta de exercícios e perda de tempo com a família e com as pessoas que são importantes para nós. Acabamos por nos sentir parados, andando em círculos, sensação de direção errada ou até certa, porém lenta. E além disso, enchemos nosso discurso com desculpas: “não tenho tempo… não tenho dinheiro… sou velho demais para isso… não tenho condições físicas.. etc.” e reclamações: “não dormi quase nada esses dias… ainda não comi nada… paguei um plano e não fui para academia… tenho muita coisa para fazer…”. A ideia é fazer menos, porém com mais impacto, qualidade, eficiência e produtividade. Para isso, primeiro é preciso descobrir as prioridades e a importância das coisas em nossas vidas e, a partir de então, focar no que deve ser feito para alcançar resultados. Você já sabe qual a sua ÚNICA Coisa? Um produto ou serviço? Uma pessoa? Uma grande paixão, uma forte habilidade? Uma vida? Um sonho?

AS MENTIRAS: NOS ENGANAM E NOS DESPISTAM

Você sabe quais são suas crenças limitantes? Aquilo que você tem fé e convicção, que lhe prende e não permite alcançar mais resultados? Que coisas lhe contaram e você passou acreditar? A maneira como fomos criados, as experiências que vivemos e as pessoas com as quais nós convivemos criam nossos valores, crenças… moldam nossa mente, nossos comportamentos e atitudes. Os autores apresentam algumas das crenças limitantes que impedem ou lhe afastam do foco, da produtividade e de alcançar resultados extraordinários. Vamos checar os principais:

  1. TUDO IMPORTA IGUALMENTE: A igualdade é importante na justiça e nos direitos humanos. No mundo real dos resultados, “as coisas” não serão sempre iguais nem gerarão os mesmos resultados. Na vida adulta, nós acumulamos muitos compromissos e temos muitas ocupações, e tudo parece ser extremamente importante e urgente. Mas será que as tarefas que executamos no nosso cotidiano estão ligadas diretamente com nossos objetivos de vida? O que estamos fazendo que não deveríamos e o que deveríamos fazer que não estamos fazendo? Seguindo a lei de Pareto (da Economia), aproximadamente 80% dos nossos resultados estão ligados com 20% do nosso esforço. Às vezes fazemos de tudo um pouco, mas esquecemos de focar maior esforço no que de fato é importante. Algumas dicas dos autores: (1) seja simples – não seja um mero acumulador de tarefas, aprenda a ser produtivo; (2) vá ao extremo – continue se perguntando o que de fato é importante, até que chegue a 1 ÚNICA Coisa; (3) aprenda a dizer “não” – saiba dizer não às coisas, às pessoas e às atividades que não geram resultados para sua vida; (4) faça o mais importante – isso é sempre o mais importante a se fazer.
  2. MULTITAREFAS: o multitarefas (aquele que executa muitas tarefas ao mesmo tempo) tem crença que precisamos estar fazendo o máximo de coisas que poderíamos ao mesmo tempo. Não é ser nem mais efetivo, muito menos eficiente. Acaba tendo um baixo desempenho e sendo medíocre/fraco em tudo que está fazendo. “Não é que temos tempo de menos para fazer todas as coisas que precisamos fazer, é que sentimos que precisamos fazer coisas demais no pouco tempo que temos”. Os autores explicam várias técnicas para lidar com a distração, perturbação, aprender a alternar as tarefas e ter um direcionamento consciente para gerar mais foco e atenção. Cuidado! Existe um limite para nossa capacidade cerebral, em determinados momentos temos sobrecarga de informações. Na alternância entre uma atividade e outra perdemos tempo, os multitarefeiros crônicos têm senso distorcido de quanto tempo levam para fazer as coisas, tendem a cometer mais erros na tomada de decisão e sofrem de mais estresse, ansiedade.
  3. VIDA DISCIPLINADA: existe um mito em que, muitas vezes, acreditamos que pessoas bem-sucedidas são aquelas que levam uma vida disciplinada. Mas não é preciso ter disciplina para tudo, apenas para aquilo que de fato é importante para nós. Isso se consegue a partir da instalação de um hábito poderoso, que dá direcionamento e foco para resultados. Libera a sobrecarga das outras áreas, forçar-se a fazer muito em tudo se torna frustrante, desgastante. No início, a instalação do hábito é difícil, mas depois de instalado se torna fácil mantê-lo. Os autores apresentam umas boas ideias como: construa um hábito de cada vez e dê a cada um deles tempo suficiente para que seja mantido (perseverar por 66 dias é um número razoável para que se torne rotineiro).
  4. FORÇA DE VONTADE ESTÁ NA DISPOSIÇÃO: força de vontade é tão importante que usá-la de forma correta deve ser prioridade máxima. Pode-se fazer uma analogia com a bateria de celular. Ao ser carregado possui energia total, mas logo ela vai se acabar e precisa ser novamente carregado. A energia é limitada, mas é renovável (pode ser recarregada). Geralmente, o fracasso vem também porque as pessoas trazem fraqueza para seus desafios mais importantes, não conseguem arranjar fontes de “recarga” para gerar estímulo, garra, vontade e força. É preciso aproveitar os picos de maior energia para usá-los para realizar as atividades mais importantes. Algumas coisas que sugam a força de vontade: má alimentação, distrações, emoções, agressividade, medo, entre outras. Algumas ideias: não gaste toda sua força de vontade, alimente-a adequadamente, monitore seu combustível, aproveite o pico máximo para executar o que é importante.
  5. VIDA EQUILIBRADA: existe um mito de sonharmos em ter uma vida totalmente equilibrada. Nada alcança equilíbrio absoluto. O que parece em estado de equilíbrio, na verdade é o ato de se equilibrar. Sonhamos em ter tempo suficiente para fazer tudo que queremos, sempre dentro do prazo e com o melhor estado mental possível. Isso é irreal, é preciso realizar negociação, buscar balancear e dosar ao máximo as outras áreas, mas nunca esquecendo de realizar aquilo que é mais importante para nós. Balancear é uma questão de prioridade: vida profissional x vida pessoal.
  6. GRANDE É RUIM: se você teme um grande sucesso, vai evitá-lo ou sabotar seus esforços para terminar não o alcançando. Grandes conquistas parecem ser difíceis, ou até mesmo impossíveis, além de consumir muita dedicação e tempo. Minimizar nossa trajetória pode nos trazer uma falsa sensação de conforto e segurança. Mas acreditar que o grande pode ser bom, abre mais portas para mas possibilidades, oportunidades e caminhos para alcançar novos e melhores resultados na vida. O que você faz na vida é que vai determinar o que você alcança. Não espere alcançar grandes coisas fazendo coisas pequenas: “Não tenha medo do grande, tenha medo do medíocre”. Para alcançar algo existe uma combinação do quê você faz, como você faz e com quem você faz. Boas ideias: pense grande, não se limite ao que você já tem e já faz, seja ousado, não tenha medo do fracasso.

AS VERDADES: O CAMINHO PARA PRODUTIVIDADE

Os autores apresentam alguns tópicos ajudar você a encontrar um caminho para produtividade, especialmente em como descobrir seu maior foco e como encontrar respostas “maiores” para obter os melhores resultados na sua vida. Para cada um dos tópicos, eles trazem um conjunto de boas ideias e apresentam perguntas que permitem reflexões, discutindo sobre elas para ajudar você a encontrar melhor direcionamento, clareza, objetividade, e claro, melhores resultados e produtividade.

  1. FAZENDO A PERGUNTA FOCO: é preciso concentrar energia, pensamento e capital naquilo que você deseja alcançar: no seu foco, na sua “UNICA Coisa”. Não tenha medo da distância, uma jornada de 1.000 km começa apenas com um simples passo. E para encontrar o foco? Fazendo perguntas certas: “como elaboramos as perguntas que fazemos a nós mesmos é o que determina as respostas que acabam se tornando a nossa vida”. “Para onde quero ir? Qual meu objetivo? O que devo fazer para entrar no caminho certo? O que quero para minha vida? Entre muitas outras. Grandes perguntas são o caminho para as respostas certas, saia do amplo para o mais restrito, tente chegar à sua ÚNICA Coisa: “qual é minha ÚNICA Coisa nesse momento?”, “qual é o meu maior foco?”.
  2. O HÁBITO DO SUCESSO: faça a pergunta foco para cada uma das áreas da sua vida, em como você gostaria que fosse e o que você poderia fazer para tudo se tornar mais simples e melhor: na sua saúde, na sua vida pessoal, nos seus relacionamentos, nos seus hobbies, na sua vida espiritual, profissional e financeira? Busque a integração e o foco entre essas áreas. Faça essa pergunta agora, no próximo mês, próximo semestre, próximo ano, em 5 anos, em 10 anos, algum dia… Ideias: entenda e acredite no princípio de focar na ÚNICA Coisa, faça perguntas-foco, crie hábitos, relembre as perguntas, use a força de vontade adequadamente, recrute apoio (pessoas motivadoras, inspiradoras).
  3. CAMINHO PARA GRANDES RESPOSTAS: os autores apresentam um gráfico interessante que permite entender o melhor caminho para encontrar as boas respostas, com quatro quadrantes, pensando nas perguntas: “grande e ampla”, “grande e específica”, “pequena e ampla”, “pequena e específica”. Permite encontrar melhores respostas para resultados extraordinários.

RESULTADOS EXTRAORDINÁRIOS

A ÚNICA Coisa é o grande propósito. As pessoas produtivas começam com uma intenção e a usam como uma bússola para direcionar suas escolhas e a tomada de decisões em suas vidas, ajudando a determinar as prioridades de suas próprias ações. Você e seus resultados são determinados pelo que você não vê.

  1. VIVA COM INTENÇÃO: nosso destino é determinado por nossas decisões e os resultados em nossas vidas são moldados por nossas escolhas. Cuidado com a sua definição de felicidade e sucesso, ou com a espera sem fim por essa satisfação. Por exemplo: “só serei feliz quando tiver meu apartamento”. Quando finalmente tiver, vai desejar outra coisa e continuará numa busca sem fim: essa perspectiva nos levará ao fracasso. Dinheiro e bens materiais geram prazer, mas não felicidade em si. Ela está ao longo do caminho para realização. Seguir a intenção e vibrar com cada pequena conquista, cada pequeno passo em direção a ela. “A perseverança não é uma corrida de longa distância, são várias corridas de curta distância uma após a outra” – Walter Elliot.
  2. VIVA COM PROPÓSITO: saber o que realmente importa para você e tomar decisões diárias que leve você para esse caminho escolhido. Quando você define um propósito para sua vida, você tem mais clareza nos objetivos, eles se tornam mais concretos e conseguem ser realizados de forma mais eficiente. “Qual é a ÚNICA Coisa que posso fazer em minha vida que faria mais sentido para mim e para o mundo, de modo que, ao fazê-la, o resto se torne mais fácil ou até desnecessário?”. Conheça a razão pela qual você está fazendo algo e a tome como inspiração e motivação para sua busca. Na falta de respostas, escolha e siga uma direção e continue se perguntando até que a resposta seja clara.
  3. VIVA COM PRIORIDADE: é impossível voltarmos ao passado ou prever o futuro, nossa única saída é viver no presente. Não defina “quero ter isso algum dia…”, “um dia eu farei tal coisa…”. Defina quando vai fazer, por que vai fazer. Os autores alertam! Cuidado com a falácia do planejamento, ou seja, definir um objetivo, mas não pensar no processo. É preciso visualizar cada etapa do processo, planejar cada passo – fragmentar o grande objetivo em várias metas. Isso ajuda a engajar o pensamento estratégico.
  4. VIVA COM PRODUTIVIDADE: neste tópico, os autores apresentam várias técnicas para melhorar a produtividade e performance. Como por exemplo, divisão em bloco de tempo (tempo livre, tempo para ÚNICA Coisa, tempo para planejar). Comprometa-se com seu melhor, seja proposital quanto à sua ÚNICA Coisa, assuma seus resultados e contrate um coach. Eles ainda apresentam 4 padrões de produtividade: (a) aprender a dizer não; (b) não ter medo do casos; (c) ter bons hábitos e estilo de vida saudável; (d) ambiente que apoie seus objetivos.
  5. VIVA COM RESPONSABILIDADE: os compromissos com a responsabilidade: siga o caminho da maestria (não faça somente o melhor que pode, faça o melhor que pode ser feito), viva o ciclo da responsabilização (conexão incontestável entre o que você faz e o que você ganha, não ter comportamento de vítima – ou seja, que culpa a realidade e os outros).

FOCO NA JORNADA

Um passo por vez parece ser trivial, mas é a mais pura verdade. Não importa qual o objetivo ou destino, a jornada para sua ÚNICA Coisa começa com um simples e pequeno passo. A importância em visualizar o caminho e seguir cada etapa, com foco, intenção e força de vontade. Para viver uma vida mais grandiosa requer pensar grande e tomar ações que levem ao grande; mas caso deseje pensar pequeno, terá resultados pequenos. A escolha está em nossas mãos. Pesquise alternativas, selecione opções, alinhe prioridades na sua vida e faça o que é mais importante, sempre. Acredite em seu propósito e nas suas prioridades: viva uma vida que valha a pena ser vivida, seja feliz por ter feito o que gostaria. Sabe o que Gary Keller defende? “ensinar as pessoas a pensar do jeito que precisam pensar para que façam o que precisam fazer quando precisarem fazer, de forma que consigam o que querem quando assim quiserem“. Um livro que aborda, sob uma perspectiva muito interessante e de maneira simples e reflexiva, o FOCO, e como fazer para alcançar objetivos, ter mais produtividade e melhores resultados na vida.

 

Trechos EXTRAÍDOS do livro – “A ÚNICA COISA: o foco pode trazer resultados extraordinários para sua vida”. AUTOR: Gary Keller e Jay Papasan

TEXTO por RAQUEL RODRIGUES